domingo, 7 de março de 2010

Adiafa Filatelia

Per M. Kindem
Comissário da Noruega

Jacob Olufemifola Durosoma
Comissário da Nigeria

VÁ PROGRAMANDO A ESTADIA DE UNS DIAS EM LISBOA, DE 1 A 10 DE OUTUBRO DE 2010, TERÁ UMA CIDADE BONITA E ANTIGA PARA APRECIAR, UM CLIMA AMENO E A EXPOSIÇÃO DE FILATELIA, PORTUGAL 2010, A FESTA DA FILATELIA MUNDIAL PARA VISITAR!

FRANQUIAS MECÂNICAS
VERSUS SELO PERSONALIZADO

Apresento uma Franquia Mecânica, no caso utilizada pelo há muito extinto Banco do Alentejo, o envelote exibe uma frase em carimbo que indica nessa data (18/03/1977) já ter-se fundido com outra instituição bancária, o Banco Fonsecas & Burnay, também extinto.
Não é a historicidade da peça filatélica o objectivo deste texto, se bem que a mesma seja interessante para a história dum passado, mas comparar a utilização das Franquias Mecânica, como via publicitária para empresas, como o poderá ser o Selo Personalizado.
Com as Franquias Mecânicas, mediante uma maquineta mecânica, que os próprios Correios forneciam, com carregamento para determinada quantidade de Franquias, as empresas que recebiam a marca, iam-na adaptando ao própria dia, estas podiam mandar elaborar e introduzir um elemento a publicitá-las.
Com o Selo Personalizado, poderá ser retomada, a promoção postal. Com esse fim, a entidade emissora, aproveitando o ano da oportunidade única de ter em Lisboa, em Outubro a Mundial de Filatelia, A LISBOA 2010, no seu próprio interesse comercial, podiam arriscar fazer uma grande campanha publicitária.
Assim propondo às empresas encomendar SELOS PERSONALIZADOS, neles inseriam a promoções das suas próprias produções.
Ao acontecer, além do retorno económico, os utentes ao receber correio selado, desatariam a guardar os mágicos papelinhos ilustrados, como acontecia no passado, do que resultaria uma nova promoção da filatelia, lenta mas segura.
Já se pensou nisso?

SELOS NOVOS – PORTUGAL

2010 Ano Internacional da Biodiversidade: A 08/03/2010, com carimbos comemorativos de Primeiro Dia, na Estações habituais de Lisboa, Porto, Funchal e Ponta Delgada os CTT – Correios de Portugal, lançarão esta nova emissão.
Taxas e tiragens: 0.32 € - 320.000, 0.47 € - 220.00, 0.68 € -230.000 e 0.80 € - 190.000
Bloco: 2.50 € - 60.000
Desenhos: Atelier Folk Design
Ilustrações: Pedro Salgado
Impressão: CARTOR

A designação biodiversidade refere-se ao número de diferentes espécies que podem existir em determinado contexto, no espaço e no tempo.
Estamos a falar de diversidade de espécies, não dos indivíduos que constituem uma espécie.
Desde o início da vida na Terra, ao longo de milhares de anos que surgem novas espécies a partir de outras – um fenómeno chamado especiação. Quando a população populações são sujeitas a isolamento ou a diferentes condições ambientais, acabam por evoluir em direcções divergentes tornando-se demasiado distintos para se produzirem em direcções divergentes, tornando-se demasiado distintas para se reproduzirem entre si, apesar de terem um antepassado comum.

                            
                          





Aconselhável abrir link ler, está actualizado:



Link de FILATELIA 77, São Paulo.

http://www.filatelia77.com.br/informativo/

Link da entrevista que o Director da Filatelia do CTT me concedeu em 27/10/2009.

http://sol.sapo.pt/blogs/mitalaia/archive/2009/10/28/FRANQUIA-_2D00_-Entrevista-com-o-Dr.-Raul-Moreira.aspx

Também publicado no JORNAL DA AMADORA, em 14/11/2009

OUTRO LINCK DE POST CONTENDO UMA CRITICA QUE ME É DIRIGIDA. ABRINDO ESTE, MAIS OUTRO LINK CONTIDO, O QUE O ORIGINOU APARECE.

http://sol.sapo.pt/blogs/mitalaia/archive/2009/11/17/SORRISO-DE-BENEVOL_CA00_NCIA.aspx

Daniel Costa

1 comentário:

xistosa - (josé torres) disse...

É engraçado um selo com um panda?
Não seria melhor um "bicho" dos nossos.
Já não digo um político ... que esses não estão em extinção, antes pelo contrário, ... mas o lince que já não há, um rafeiro alentejano, para não falar do cão de água que agora fala inglês.

Um abração.